quinta-feira, 18 de julho de 2019

Já é conhecido o vencedor do Prémio literário João da Silva Correia



“Manhãs do Mundo”, de Nuno Figueiredo, foi a obra escolhida pelo júri, que atribuiu ainda cinco menções honrosas.

A “qualidade poética” da obra de “Manhãs do Mundo” valeu a Nuno Figueiredo a conquista do Prémio Literário João da Silva Correia, na mais recente edição desta iniciativa da Câmara Municipal de S. João da Madeira. A avaliação do júri reflete também uma apreciação global muito positiva dos originais a concurso, o que levou a que fossem ainda atribuídas cinco menções honrosas.  

Assim, para além do trabalho vencedor, são também referenciados pelo seu mérito os seguintes títulos: “Imprecisões”, de José Manuel Teixeira, “Uma casa de papel onde morar”, de Nuno Garcia Lopes, “A qual fonte o sol regressa”, de Luís Aguiar, “Os contentores não cabem em caravelas”, de Ana Maria Carvalho Pinheiro Vieira, “Eras o cervo que fugia depois de haver-me ferido”, de Fernando Manuel da Cruz Cabrita.

Constituído pelo ex-ministro da Cultura, escritor, poeta e ficcionista Luís Filipe Castro Mendes, pelo poeta José Fanha e pelo editor António Baptista Lopes, o júri apreciou mais de 40 obras. O prémio ao vencedor será entregue em outubro deste ano, no âmbito das comemorações da Emancipação Concelhia de S. João da Madeira.

Sendo operacionalizado pelos serviços da Biblioteca Municipal de S. João da Madeira, este prémio, que tem o nome do escritor e jornalista sanjoanense João da Silva Correia (1896-1973), autor do romance "Unhas Negras", traduz-se na garantia da publicação da obra selecionada, mediante a comparticipação financeira, pela Câmara Municipal, nos custos da respetiva edição, até ao limite de 2.000 euros.

Por decisão da autarquia, e com o objetivo de projetar e promover uma maior difusão da iniciativa, este concurso passou, nesta edição, a estar aberto também a candidatos sem ligação ao concelho de S. João da Madeira, medida que contribuiu para que o número de obras enviadas tenha quadruplicado em relação a 2015, ano da edição anterior.

segunda-feira, 8 de julho de 2019

JOÃO GILBERTO (1931-2019)




João Gilberto, fundador da Bossa Nova, movimento musical dos anos 50, que acabou por ter seguidores como Chico Buarque, Caetano Veloso, Gilberto Gil e muitos outros, foi considerado um músico genial, morreu no passado sábado, no Rio de Janeiro, aos 88 anos.  

Na vitrine da Sala de Adultos da Biblioteca já estão expostos e disponíveis para empréstimos todos os seus CDs.

Chega de saudade! Vale a pena escutar a voz e música do João Gilberto.

Fonte:https://www.publico.pt/2019/07/06/culturaipsilon/noticia/morreu-joao-gilberto-autor-batida-deu-som-bossa-nova-1879035


sexta-feira, 5 de julho de 2019

LEITURA PARA FÉRIAS

A equipa da Biblioteca Municipal já tem disponível na receção algumas sugestões de leitura para levar consigo para férias.

Escolhemos alguma obras que pode ler devagar para refletir sobre assuntos da atualidade, mas também leituras leves, românticas, com viagens em sítios de sonho como Capri, Grécia, etc.

Não parta de férias sem uma boa companhia, UM LIVRO.